Nosso Sistema

Os sistemas Narezzi de combate a incêndio, desenhados para cozinhas industriais, tem como objetivo principal a detecção e extinção de chamas provindas dos dutos e coifas (equipamentos de cocção).


Para a proteção da rede de dutos e filtro, em específico, o sistema Narezzi se mune do agente extintor CO2 que atua para criar uma atmosfera com baixa quantidade de oxigênio, de modo com que o fogo seja extinto por abafamento. Ao detectar uma temperatura elevada nos dutos (normalmente 138°C), o sistema Narezzi envia comandos elétricos para o fechamento dos dampers corta-fogo, desligamento do sistema de ventilação/exaustão, fechamento da válvula solenoide de gás de cozinha, ativação da sirene audiovisual para evacuação da área e, após período de retardo regulável, acionamento do agente extintor CO2.


Já para a proteção das coifas e equipamentos de cocção, o sistema Narezzi se mune do agente extintor saponificante que, após o rompimento do sensor térmico elofusível (se for sistema mecânico) ou a detecção de temperatura elevada (se for sistema eletrônico), é descarregado sobre a superfície dos equipamentos de cocção, com a finalidade de apagar o fogo e manter a atmosfera inerte por até 20 minutos. Ele age dissolvendo a gordura, resfriando a superfície e formando uma camada de espuma sobre os equipamentos e superfícies em chamas, abafando o fogo.


Além de todas as funções citadas acima, os sistemas Narezzi de combate a incêndio também são projetados para fazer a detecção de vazamento de gás de cozinha (seja ele GLP ou GN) através de um detector estrategicamente posicionado e, além de acionar a sirene para a evacuação do local, fecha a solenoide de gás a fim de cessar o vazamento até a chegada do profissional responsável pela averiguação da situação, assim minimizando riscos aos funcionários, clientes e estabelecimento.